Mulheres negras não deveriam morrer exaustas

Código: 9786556091792 Marca:
12x de R$ 6,01
R$ 59,90
Comprar Estoque: Disponível
    • 1x de R$ 59,90 sem juros
    • 2x de R$ 31,29
    • 3x de R$ 21,17
    • 4x de R$ 16,11
    • 5x de R$ 13,07
    • 6x de R$ 11,05
    • 7x de R$ 9,61
    • 8x de R$ 8,52
    • 9x de R$ 7,68
    • 10x de R$ 7,01
    • 11x de R$ 6,47
    • 12x de R$ 6,01
  • R$ 59,90 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

“Mulheres negras certamente morrem exaustas” é algo que Tabitha Walker ouvia de sua avó. É claro que sua avó (que, por acaso, é branca) se referia à década de 1950 e ao que ela observava nos tempos em que surgiam os direitos civis. Aos 33 anos, Tabitha é uma mulher negra com uma checklist bem encaminhada para a vida dos seus sonhos. Educação? Check. Um bom trabalho? Check. Dinheiro para dar entrada em uma bela casa? Check. Experiência em relacionamentos antes de se casar? Check, Check e Check. Com um horário fixo na cabeleireira todo sábado, um cargo cobiçado de repórter de notícias local e um namorado como Marc (o homem perfeito “em teoria”), Tabitha nunca imaginou que a frase repetida por sua avó poderia se aplicar a uma mulher negra vivendo na contemporaneidade como ela – até tudo mudar.

Um diagnóstico médico inesperado desperta Tabitha para um perigo antes despercebido, ameaçando a única coisa que sempre importou para ela: ter filhos. Com a ajuda de suas melhores amigas, as irreverentes e teimosas Laila e Alexis, a ex-“Sexy Lexi”, Tabitha deve explorar os mecanismos da medicina moderna e testar os limites de seus relacionamentos para lutar contra o tempo e alcançar o seu sonho de ser esposa e mãe – antes que a frase “mulheres negras certamente morrem exaustas” ganhe um significado novo e indesejado em sua própria vida.

 

 Sobre a autora

Jayne Allen é o pseudônimo de Jaunique Sealey, graduada pela Universidade Duke e pela Escola de Direito de Harvard. Viajante ávida, ela fala três idiomas e já visitou cinco continentes. Com base nas experiências singulares que teve como advogada e empreendedora, ela cria histórias transculturais, que abordam questões da mulher contemporânea, como trabalho e carreira, raça, fertilidade, relacionamentos modernos e saúde mental. Em sua escrita reverbera o desejo de trazer multiculturalismo e multidimensionalidade a um elenco rico e colorido de personagens inspiradas pela magia da descoberta na vida cotidiana. Mulheres negras não deveriam morrer exaustas é seu primeiro romance, e ela o chama de “o epitáfio dos meus trinta anos”. Orgulhosamente natural de Detroit, hoje ela mora em Los Angeles. Conheça mais sobre a autora em seu perfil no Instagram, @JayneAllenWrites.

 

Com a palavra, a autora

 

“Originalmente, eu escrevi Mulheres negras não deveriam morrer exaustas para mostrar que, uma vez que removemos as divisões, barreiras, categorizações e todas as várias maneiras que aprendemos para nos separar uns dos outros, no fundo, o amor é a linguagem que todos nós falamos e a própria força vital de nossa existência.”

— A autora, Jayne Allen, sobre Mulheres negras não deveriam morrer exaustas, seu romance de estreia

 

Elogios à autora e à obra         

 

“Tabitha e suas amigas são personagens bem delineadas, e é a dinâmica entre a protagonista e as mulheres que integram sua vida que impulsionam a história a andar para a frente. Ao abordar questões como a vida das mulheres, família e etnia, a autora confeccionou um romance que é, ao mesmo tempo, atual e agradável."

— Kirkus Reviews

 

“O que os leitores descobrirão em Mulheres negras não deveriam morrer exaustas é que: as mulheres negras dão um jeito. Quer as personagens de Allen estejam lutando com um gerente problemático no trabalho, as decisões ruins de um marido ou um diagnóstico sombrio, elas se unem e fortalecem umas às outras com uma teia de compreensão e amor que não está disponível em outras partes de suas vidas, onde elas têm que projetar uma imagem de perfeição.”

— Sandra E. Garcia, The New York Times

 

 

Leia também

 

  • Para depois que eu partir, Heather Mcmanymy e William Croyle
  • Deve ter algo errado comigo, Meg Mason
  • A Fraternidade Jane Austen, Natalie Jenner

 

          Autora: Jayne Allen

          384 páginas

Produtos relacionados

12x de R$ 6,01
R$ 59,90
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Fundado em 2006, o Grupo Editorial Universo dos Livros completa seus 15 anos de vida mais forte do que nunca. Nosso vasto catálogo que hoje conta com mais de 3 mil títulos, é pensando livro a livro, com o objetivo de alcançar e a agradar todo tipo de leitor. Passamos por diversos campos da literatura, desde livros infantis, passando pela literatura religiosa e chegando em não-ficção e negócios.

Pague com
  • PagSeguro V2
Selos
  • Site Seguro

Universo dos Livros Editora Ltda - CNPJ: 07.680.904/0001-54 © Todos os direitos reservados. 2022

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade

.